segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Grimm Fairy Tales - Volume 4

"Grimm Fairy Tales (Volume 4)" de Joe Tyler e Ralph Tedesco (ainda não publicado em Portugal)

Argumento (Joe Tyler e Ralph Tedesco):
É neste volume que aparece a rival de Sela, O seu nome é Belinda e ao contrário da outra, esta promove o pior que há nas pessoas. Um dos seus "trabalhos" neste volume, foi corromper um jovem rapaz que faz os seus vários pais adoptivos acreditarem que está a ser vítima de abusos, até que estes cometem crimes hediondos para o proteger.
Gostei especialmente da dinâmica criada na segunda história (The Boy who cried Wolf), que me deixou confusa no início, mas logo me fez render ao compasso escolhido. E o seguimento de toda a história do Timmy esteve bastante bom ao longo do volume.
O final foi surpreendente, mas pouco convincente, na medida em que a Sela foi ingénua demais. No entanto, deixa no ar a vontade de saber mais.


Desenho:
Ashok Badhana (Rapunzel),apesar da dinâmica interessante e do estilo algo inovador, as personagens tinham todas feições semelhantes e as poses eram, maioritariamente, bastante estáticas e pouco apelativas.
Mark dos Santos (The Boy who cried Wolf), embora os miúdos não parecessem nada crianças/adolescentes, mas sim mais adultos que outra coisa, no restante, o estilo do artista funcionou de forma esplendorosa com a acção da história.
Eric J. (A aprendiz do feiticeiro),  trouxe-nos um desenho que brilhou especialmente nas partes em que surgiram as criaturas mágicas, mais do que propriamente nas em que aparece, apenas as personagens humanas.
Joe Dodd (A Rainha do Gelo), gostei de como os miúdos foram desenhados, mas tanto a Belinda como a Sela pareciam um pouco estranhas. Não muito, e nem sequer decresceu a qualidade, mas não gostei tanto como do resto.
John Gunderson (Snow White & Rose Red 1), gostei especialmente do desenho da Rose Red, embora não tivesse achado muita piada à vestimenta da Snow White. O desenho funcionou bem com a história.
Kris Carter (Snow White & Rose Red 2), de longe a pior arte do volume e uma das piores de toda a série. Desproporcional, com planos arrojados mas falhados, e com muitos pormenores que não coincidiam com o capitulo anterior (as roupas, o cenário, etc.) e que deveriam, já que é a continuação directa. Melhorou na segunda parte do capítulo, e até se tornou agradável, mas as primeiras páginas até "metem medo"

Um suma,um volume interessante, que introduz uma vilã realmente maléfica, mas que, na segunda parte, não consegue fazer com que a história seja realmente "fabulosa", ficando-se apenas pelo mediano.

Sem comentários:

Publicar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails